Fino Traço Editora

Autores: Jaime Larry Benchimol ; Denis Guedes Jogas Junior

Páginas: 790

ISBN: 9786599013904

Ano: 2020

Sinopse: 

Projetos no campo da história voltados para as doenças endêmicas parasitárias relevantes no Brasil, as chamadas grandes endemias, são extremamente importantes para resgatar a memória da formação de nossa comunidade científica e o papel desempenhado por nossas instituições desde os seus primórdios no século vinte, embora ainda sejam escassos em relação à dimensão que estes agravos representaram e continuam a representar para a saúde publica.

O livro de grande fôlego de Benchimol e Jogas Junior traz um apanhado da extensa e intensa trajetória dos estudos sobre as leishmanioses no Brasil, englobando de forma detalhada e de fácil compreensão a descoberta de seus agentes etiológicos, diversas espécies de leishmânias associadas às diferentes formas clínicas da doença, seus hospedeiros reservatórios e os flebotomíneos vetores, bem como aspectos da epidemiologia e ações de controle implementadas em contextos sociopolíticos e momentos diversos.

Doenças instigantes e desafiadoras à compreensão biológica e epidemiológica, as leishmanioses sempre despertaram paixões entre os diversos pesquisadores que a elas se dedicaram, e também dilemas no tocante ao controle eficaz e às formas de tratamento, dadas as limitações das drogas disponíveis. Por isso, as leishmanioses continuam a representar um importante problema de saúde pública no Brasil, nas Américas e em diversas áreas do Velho Mundo.

O livro traz à luz diversos aspectos pouco conhecidos desta história, inclusive os bastidores das articulações, dos planos de trabalho de pesquisadores pioneiros e os impactos que seus estudos tiveram à época de sua realização, assim como as implicações para estudos subsequentes em diferentes regiões do Brasil. Ao mesmo tempo, contextualiza a história do surgimento de importantes instituições de pesquisa pelo país e o início dos programas de controle das leishmanioses.

O abrangente e empolgante relato baseado em minuciosa pesquisa é subdivido em duas partes. Nesta primeira aqui apresentada, que vai do início do século vinte até 1965, já temos a satisfação de observar que representará um marco nos estudos históricos sobre as ciências biológicas e a saúde pública. Ao ler este livro o leitor compreenderá porque o estudo das leishmanioses levou o Brasil a constituir talvez a maior comunidade científica neste campo e porque tantos pesquisadores continuam a formar em seus grupos de pesquisa novos ‘leishmaníacos’, como são carinhosamente chamados os que se debruçam sobre a doença em todo o mundo.

Uma História das Leishmanioses no Novo Mundo (fins do século XIX aos anos 1960)

REF: 9786599013904
R$150,00 Preço normal
R$120,00Preço promocional